Cola Cirúrgica Gubran 2 - Embalagem
Cola Cirúrgica Gubran 2 - aplicadores
Cola Cirúrgica Gubran 2 - aplicadores

Compartilhe:

Características do Produto

ESPECIFICAÇÕES

  • Pronta para uso
  • Apresentação: 1ml, 0,5ml e 0,25ml
  • Armazenada entre 0 °C e 4 °C
  • Validade de 2 anos
  • Pode ficar a uma temperatura ambiente de até 20 °C por 48 horas
  • Líquido viscoso e transparente
  • Acondicionada em frasco estéril; embalagem estéril
  • Propriedades altamente adesivas e hemostáticas
  • Polimerização rápida – 60 a 90 segundos
  • Forma uma fina película elástica, com elevada resistência à tensão

Cola Glubran II

Glubran 2 é um produto médico-cirúrgico de classe III (uso cirúrgico interno e externo), que atende os requisitos da Diretiva Européia 93/42/CEE. É um adesivo cirúrgico sintético de base cianoacrílica, modificada pela adição de um monômero, sintetizado pelo próprio fabricante.

Glubran 2 oferece altas propriedades hemostáticas e adesivas e, uma vez solidificada, produz uma barreira anti-séptica eficaz contra os agentes infecciosos ou patogênicos frequentes nas intervenções cirúrgicas. Fisicamente se apresenta como um líquido de cor amarelo-claro, transparente e pronto para uso. Quando entra em contato com tecido vivo ou ambiente úmido polimeriza rapidamente, criando uma fina película elástica com elevada resistência à tensão, o que garante uma sólida adesão dos tecidos. Esta película adapta-se naturalmente à anatomia dos tecidos em que é aplicada, é impermeável e não é danificada pelo sangue ou fluidos orgânicos.

A película, uma vez solidificada, pode ser perfurada por uma agulha de sutura, já que a polimerização do produto não forma agregados cristalinos. O tempo de polimerização varia em função do tipo de tecido com o que a cola entra em contato, da natureza dos fluidos presentes e da quantidade de produto aplicado. Quando aplicada corretamente, a cola inicia sua solidificação em cerca de 1 ou 2 segundos, completando a sua reação após cerca de 60 a 90 segundos.

Ao término desta reação, a cola alcança sua máxima resistência mecânica. Uma vez sólida, não possui qualquer poder adesivo, possibilitando a colocação direta de gazes ou compressas cirúrgicas ou ainda, a sobreposição de tecidos, sem o risco de aderências indesejadas. Nos processos cirúrgicos normais, a película de cola é eliminada mediante processo de degradação hidrolítica.

A duração deste processo varia conforme o tipo de tecido e a quantidade de cola aplicada. Já em tratamentos embolizantes, após diluição da cola com Lipiodol, a mesma permanece no local durante um período maior. A cola cirúrgica GLUBRAN 2 produz ação adesiva e hemostática nos tecidos. É utilizada em cirurgias tradicionais, laparoscópicas e no tratamento por endoscopia digestiva, radiologia intervencionista e neuroradiologia vascular. Pode ser aplicada isolada ou em combinação com pontos de sutura, mesmo em pacientes tratados com heparina ou sob hipotermia. pacientes tratados com heparina ou sob hipotermia.

INDICAÇÕES

  • Como selante em durotomias em procedimentos endoscópicos ou de biópsia cerebral.
  • Como selante nas lacerações durais, em intervenções de hemilaminectomia.
  • Fechamento da sela túrsica por via esfenoidal.
  • Na selagem de fragmentos ósseos e ósteo-cartilaginosos.
  • Na selagem dos músculos intercostais e cervicais.
  • Na selagem dos opérculos ósseos.
  • Como selante externo nas plásticas durais cranianas e espinais como prevenção de fístulas liquóricas quando combinado com substitutos, enxertos ou protetores durais sintéticos ou biológicos.
Entre em Contato